segunda-feira, 28 de julho de 2014

NO CENTENÁRIO DO INÍCIO DA PRIMEIRA GUERRA.

Há cem anos iniciava-se a Primeira Grande Guerra, com a declaração de Guerra da Austria à Sérvia, na sequência do atentado de Sarajevo um mês ano.

Começava assim uma das épocas mais negras da história de humanidade e, em especial, da história europeia.

A Europa só voltaria a conhecer a paz em 1945.

Entre 1914 e 1945 o mundo conheceria uma devastadora crise economica e social, a ascensão de regimes totalitários como o fascismo, o stalinismo e o nazismo e uma segunda guerra, ainda mais devastadora.

Ao que parece o mundo já se esqueceu das lições dessa época e vive de novo uma crise economico e social devastadora e uma imensidão violentos  de conflitos regionais, cujo resultado ainda é uma incógnita.

Recordar a história da Primeira Guerra, que marca também o verdadeiro início do "pequeno século XX", é um importante contributo para reflectirmos sobre o tempo em que vivemos, onde, trágicamente, se parecem avolumar os erros que conduziram a tragédias como aquela.
   
O jornal Público iniciou hoje a publicação de dossier diários sobre essa guerra e os seus reflexos em Portugal, podendo ser consultado clicando em cima, no título desse diário.

Mas também destacamos aqui os dossiers de jornais de referência como o  EL País , o  EL MUNDO , o   Le Monde e o The Guardian. A sua consulta é uma boa sugestão para estas férias.

Sem comentários: