quarta-feira, 1 de outubro de 2014

É preciso descaramento!!! : - Troika incomodada com aumento do salário mínimo.

Parece que os miseráveis da  troika estão "incomodados" com o "espectacular" aumento do salário mínimo português, um aumento de 20 euros mensais e que colocou esse salário na "astronómica" quantia de ...505 euros.

Vindo essa preocupação de um grupo de burocratas que ganhou milhões em comissões e "ajudas de custo", só para impor as condições que conduziram ao empobrecimento generalizado dos portugueses, não deixa de ser escandalosa a forma como agora se revelam "preocupados" com um salário que nem sequer garante que uma percentagem significativa de trabalhadores portugueses consiga fugir ao estigma da pobreza.

Portugal já é o país do euros com uma média salarial mais baixa, e um dos que apresenta uma das mais altas taxas de desemprego, onde uma percentagem significativa de famílias a viver na pobreza a devem aos baixos salários.

Com essa "preocupação" esses miseráveis burocratas revelam uma das atitudes mais vergonhosas dos últimos tempos. Será bom recordar que, por detrás dos burocratas da troika estão alguns rostos bem conhecidos dos portugueses como Durão Barroso ou Victor Constâncio. Convém não os esquecer, para "memória futura".

Sem comentários: