sábado, 13 de maio de 2017

Viva Francisco!


Não sou católico, apesar de ser baptizado.

Mas também nunca alinhei em qualquer anti-clericalismo primário.

Já o disse várias vezes que, apesar de não ser católico nem praticante, não nego que muitos dos meus valores são cristãos.

E é exactamente em nome dos valores cristão de humanidade e de combate às desigualdades, tal como os interpreto, que sempre desconfiai do catolicismo, principalmente quando olho à minha volta e vejo o que fazem, no dia a dia, muitos dos que se apresentam como muito devotos, muitos deles negando todos os dias, nas suas práticas socias e económicas, aquilo que são para mim os valores cristãos que me foram transmitidos e que me parecem estar presente no exemplo de Cristo.

Por isso sempre vi, com honrosas excepções, na hierarquia católica, nomeadamente na sua sede do Vaticano, a negação dos valores cristãos, tal como eu os interiorizei.

Reconheço hoje que, pela primeira vez, temos hoje a liderar a Igreja um Papa que representa, de forma genuína e corajosa , os verdadeiro valores que Cristo nos ensinou.

Além disso, no deserto de líderes mundiais verdadeiramente humanos e decentes, o Papa Francisco é uma voz isolada, um raro exemplo, nos nossos tempos, de um grande líder no qual a humanidade se pode rever e no qual os mais fracos encontram um combativo defensor .

Por tudo isso, aqui deixo uma saudação ao Papa que agora nos visita:

Viva Francisco!

Sem comentários: