terça-feira, 14 de abril de 2015

O "estranho" "caso" da corrida às presidenciais

(in Facetoon, por Antero Valério)

Não se percebe muito bem o actual frenesim à volta das eleições presidenciais.

Em primeiro lugar porque, venha quem vier, vai fazer um brilharete, comparativamente àquilo que foi a presidência de Cavaco Silva, só comparável à do último presidente do Estado Novo, Américo Thomáz (…e mesmo assim este tomou uma atitude histórica marcante e corajosa, para a época, que foi a de nomear Marcello Caetano para substituir Salazar…o que se seguiu é já outra história…). Comparativamente com Cavaco, qualquer das minhas duas cadelas dava um “bom nome presidenciável” (já agora chamam-se Conchita e Romã, caso haja aí alguém que queira promover a sua candidatura, embora pense que elas não vão aceitar…).

Em segundo lugar, o cargo de Presidente da República é irrelevante, os seus poderes são reduzidos, não passa de um berloque na estrutura democrática, embora, no mínimo, fosse útil que soubesse fazer um discurso perceptível e com algum conteúdo, isto é, que visse um pouco mais longe do que o seu umbigo.

Em terceiro lugar, só uma pequena chamada de atenção (desculpem lá o incómodo) não sei se já olharam para o calendário: antes das eleições presidenciais realizam-se eleições legislativas!!!!

Em quarto lugar, mais importante do que promover o “melhor sabonete” a vender pela comunicação social, seria útil que se discutissem os reais problemas da nação, aqueles que afligem o cidadãos comum, como a forma de melhorar a sua miserável existência, a forma de travar o desemprego e a destruição do tecido social e económico, a forma de dar a volta à divida e ao deficit, a forma de salvar e aprofundar o nosso já de si rudimentar Estado Social, a forma de enfrentar os burocratas da União Europeia, a forma de aprofundar a democracia e tanto outros temas “chatos” como esse e que até obrigam a pensar…


…ah!!! Consultei a Conchita e a Romã…elas não estão interessadas ….é uma decisão…irrevogável… 
Enviar um comentário