quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

PORQUE NÃO TE CALAS, "OH MINHA GRANDE BESTA!": Ulrich: Se os sem abrigo aguentam porque é que nós não aguentamos?


"Tem toda a razão o Ulrich. Os seres humanos aguentam coisas inimagináveis. Aguentam, por exemplo, que um banqueiro tenha lucros de 249 milhões de euros e haja uma catrefa de gente a viver na rua." Ana Cristina Leonardo
 Um colega meu dizia-me: "eu nunca fui muito de dizer palavrões da boca para fora, quanto muito uns "porras" ou uns "merdas", mas a ouvir estes gajos dou por mim a usar "...alhos" e "filhos da p..." a torto e a direito".
Já estamos fartos de bestas como esse desavergonhado banqueiro. Foi ele, e outros como ele que nos lixaram a vida e agora ainda têm a desfaçatez de gozar com a miséria alheia?
Como diria o outro...vão trabalhar malandros...já não há pachorra para sacanas como este...  

OS GATOS ENQUANTO ARTSTAS DE CINEMA: Catdance: Sundance For Cat Videos Honors The Best Feline Films

Filmes de ficção ou documentais que tinham os gatos como personagens e artistas principais estiveram em exibição no Festival de Sundance, para a tribuição do melhor filme sobre felinos:

O SOM DO DIA - 620 - PIL - This Is Not A Love Song


O SOM DO DIA - 619 - John Lydon - In The Sun


O SOM DO DIA - 618 - John Lydon - The Rabbit Song


O SOM DO DIA - 617 - Sex pistols "Anarchy in the UK" HQ ( Live 2007)


O SOM DO DIA - 616 - Sex Pistols - God Save the Queen [Live From Brixton Academy 2007] 13


quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Na Morte de Jaime Neves – o homem que “me" quis matar”.



Na edição de hoje do jornal Público pode ler-se uma excelente biografia sobe o recém falecido Jaime Neves. 

Intitula-se esse trabalho, da autoria do jornalista Paulo Moura, “o anti-herói da revolução – Jaime Neves”, contrapondo-o aos dois “heróis” da revolução, Otelo e Salgueiro Maia.

Nessa biografia ressaltam as qualidades militares, mas também a ambiguidade e o carácter tendencialmente violento daquele militar, sendo ainda hoje obscura a razão que o levou a atacar a sede da Polícia Militar em 26 de Novembro de 1975, já depois destes se terem rendido, o que provocou vários mortos e quase um banho de sangue, entre eles um conhecido meu.

Paulo Moura conta que Jaime Neves, já depois de consolidada a vitória dos militares moderados que fizeram o 25 de Novembro, foi pedir ao então Presidente da República, Costa Gomes, “mais sangue”, pois “queria que todos os líderes da esquerda militar fossem presos ou mesmo (segundo alguns testemunhos) executados, que o Partido Comunista, todos os partidos da extrema esquerda e a Intersindical fossem ilegalizados”.

Felizmente imperou o bom senso de um Costa Gomes, de um Ramalho Eanes, de um Melo Antunes ou de um Salgueiro Maia. O próprio Otelo revelou mais bom senso na altura, ao recusar dar ordens às tropas sob o seu comando para reagirem ao golpe do 25 de Novembro. E até Álvaro Cunhal impediu uma reacção dos militantes e simpatizantes do PCP.

Se tivessem vingado as teses defendidas por Jaime Neves o 25 de Novembro ter-se-ia transformado numa sangrenta  e vingativa “pinochetada” e muitos, como eu, que tinham andado envolvidos no sonho que se abriu com o 25 de Abril, talvez já não estivessem cá hoje para escrever isto.

É caso para dizer que, com a morte de Jaime Neves morreu o homem  que me “quis matar”.

 Que descanse em paz!.


Público - Jaime Neves, o anti-herói da revolução

O SOM DO DIA - 615 - Hadden Sayers Band Live at the Shady Nook Pub, Saybrook 08/05/11


O SOM DO DIA - 614 - Hadden Sayers Band (lista de reprodução)


O SOM DO DIA - 613 - Hadden Sayers / " Flat Black Automobile"


terça-feira, 29 de janeiro de 2013

PS - O regresso do "bando" de Sócrates.




Passos Coelho deve estar contentíssimo.

Mais uma vez o PS dá um sinal de total desvario político e lança-se na voragem da conquista do poder a todo o custo.

Atado de pés e mãos a um memorando que tem vindo a arruinar o país, o PS de Seguro deixou-se enredar nas contradições de quem está com um pé dentro, desejando ter outro pé de fora do dito memorando.

Um memorando que, recorde-se, foi a herança política que José Sócrates deixou para o país e para o PS.

Um dos problemas de Seguro foi o de nunca se ter demarcado da herança socrática e deixou que o bando deste ressuscitasse das cinzas.

Agora surge António Costa, mais uma criação da comunicação social, tal como o tinha sido José Sócrates, a pôr-se a jeito para liderar o PS com o apoio do ressuscitado bando de Sócrates.

É o regresso dos boys…

Veremos se o PS cai na armadilha…aguardam-se cenas dos próximos capítulos…


Costa deve avançar para secretário-geral na comissão política - PÚBLICO

Garrett McNamara volta a surfar montanha de água na Nazaré.

Todos os portugueses, pelo menos aqueles que gostam do mar, do verdadeiro mar, deviam visitar, pelo menos uma vez na vida, o lugar que se está a tornar famoso pelas façanhas do surfista Garrett MacNamara.
Situado a Norte do "Sítio da Nazaré", junto ao farol, aí se formam ondas com dezenas de metros, e  o mar, mesmo em época de calmaria, é um verdadeiro espectáculo. Já lá estivemos duas ou três vezes e ficamos sempre com vontade de voltar.
Mesmo vivendo próximo de praias onde o mar é violento e alteroso, nada se compara àquele sítio.
É um momento único a reter .

Islamitas incendeiam manuscritos únicos em Tombuctu.

Lembro-me de ouvir falar pala primeira vez na importância cultural da cidade de Tombuctu numa disciplina de Estudos sobre História Africana que tive no curso de História.
Li então umas coisas e fiquem espantado e maravilhado com a dinâmica dessa cidade, que já vinha da época medieval.
Aí encontrava-se uma das mais antigas universidades do mundo, para além de a cidade ser caracterizada pela sua arquitectura original.
Foi com indignação que tomei conhecimento, há meses atrás, de que os terroristas da Al Quaeda tinham começado a destruir essa cidade.
Agora,finalmente, a cidade foi libertada pelas tropas francesas, que depararam com um novo crime realizado por essa gente, a destruição de manuscritos históricos e únicos, um crime não só contra a cultura da humanidade, mas também contra a própria cultura islâmica que esses bandidos ignorantes dizem "defender".
Assassinar pessoas é um crime, mas destruir bens culturais devia ser igualmente sujeito à formação de um Tribunal Internacional para julgar os responsáveis por essas barbaridades.

Apresentação do Manifesto "A Europa ou o Caos":

Podem ler em baixo a reportagem sobre a apresentação, ontem, do manifesto "A Europa ou o caos":

Sundance Festival Award Winners | Sundance Film Festival

Em cima o Elenco de "Fruitvalle", o grande vencedor da edição de 2013 do Festival de Cinema de Sundance, o mais importante festival de cinema independente dos Estados Unidos.
Em baixo podem consultar a lista dos premiados e aceder igualmente aos vencedores das anteriores edições e a todas as informações sobre os filmes que têm feito a história desse festival:

O SOM DO DIA - 612 - Scottie Miller Band at BB's Jazz Blues & Soups 12/17/11


O SOM DO DIA - 611 - Scottie Miller and the ReUptake Inhibitors


segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

MANIFESTO "A EUROPA OU O CAOS".

Vai ser hoje divulgado o manifesto "A Europa ou o Caos", onde vários intelectuais europeus, entre eles António Lobo Antunes, propõem um novo caminho para a Europa, como alternativa ao caminho actual que está a conduzir o projecto europeu para a sua auto-destruição.
Alertam os subscritores para o perigo que pode representar a próvável desagregação desse projecto que resultara das medidas que estão a ser tomadas, sob orientação da Alemanha e com o apoio da Comissão Europeia e do BCE, contra a cidadania europeia.
Para os que acreditam que ainda é possivel salvar o projecto europeu, este manifesto é mais um contributo para debater as alternativas.

ATÉ O RAJOY JÁ "BATE O PÉ" À MERKEL: Rajoy consolida en Chile su cambio de discurso sobre la austeridad | Política | EL PAÍS

Rojoy fez uma intervenção, na presença de líderes latino americanos e europeus, onde estava a Merkel, criticando com dureza o programa de austeridade que a Alemanha pretende impor à Europa.
Merkel e a sua política de destruição da solidariedade europeia começa a ficar cada vez mais isolada.
Para nossa desgraça, só sobram dois europeus, e são portugueses,  para continuarem a dar cobertura a essa política anti-europeia e anti cidadãos europeus: o Durão Barroso e o Passos Coelho... 

O SOM DO DIA - 610 - Hadden Sayers- Ruthie Foster- Back To The Blues


O SOM DO DIA - 609 - Ruthie Foster: Runaway Soul


O SOM DO DIA - 608 - Ruthie Foster w/Tanya Richardson "Oh Susanna"


domingo, 27 de janeiro de 2013

UM DIA NEGRO: Onze mortos e cinco feridos graves em despiste de autocarro na Sertã - PÚBLICO

NO DIA INTERNACIONAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DO HOLOCUSTO: An Alfred Hitchcock documentary on the Nazi Holocaust.

As Nações Unidas declararam o dia 27 de Janeiro como o DIA INTERNACINOAL EM MEMÓRIA DAS VÍTIMAS DO HOLOCAUSTO.
Foi escolhida esta data porque é a do aniversário da libertação de Auschwitz-Birkenau pelas tropas  soviéticas, em 1945.
Recentemente foi divulgado em Inglaterra um filme com imagens recolhidas logo após essa libertação, com imagens recolhidas por vários cineastas britânicos, entre os quais Alfred Hitchcock, e por operadores de câmara do exército vermelho.
É esse documentário que hoje aqui reproduzimos,como foema de homenagear as vítimas do Holocausto.
 

sábado, 26 de janeiro de 2013

BAILERO por Kiri Te Kanawa



É bom estar vivo para ouvir isto...
Beleza que chega a doer...



sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

O Cartoon da Semana - O Regresso aos Mercados visto por Antero Valérios


QUE VIVA O ROCK AND ROLL PORTUGUÊS: 50 ANOS DE ROCK EM PORTUGAL NA CAPA DA BLITZ 80, HOJE NAS BANCAS

A Crónica de Daniel Oliveira : O ministro japonês e a ideologia da barbárie - Expresso.pt

 O Ministro das Finanças japonês "convidou" os idosos doentes do seu país a morrerem depressa para não se tornarem um fardo financeiro para o Estado...
O que essa "besta" defendeu é consequência lógica da afirmação da ideologia neoliberal que pouco se preocupa com a condição humana, a não ser com os lucros especulativos do sector financeiro.

O Ministro japonês só teve uma vantagem, que foi o de dizer em voz alta aquilo que muita gente aqui na Europa, comissários europeus, dirigentes do FMI e do BCE, ministros das finanças, banqueiros e muitos comentadores e economistas defendem, mas ainda não tiveram coragem para o dizer em público.

Daniel Olveira responde adequadamente a esse pensamento.

AS MENTIRAS DA COMISSÃO EUROPEIA: Dominio público » Lo que los mayores medios no dicen sobre la Comisión Europea

Os aldrabões que nos governam,com a conivência da comunicação social, escondem o essencial, que é o total falhanço, para a melhoria de vida soa cidadãos, da austeridade neo-liberal:

Ruthie Foster, amanhã na Culturgest

Conheça mais sobre Ruthie Foster, que vai actuar amanhã em Lisboa, clicando na ligação em baixo:

O SOM DO DIA - 607 - Ruthie Foster - Woke Up This Morning


O SOM DO DIA - 606 - Ruthie Foster LRBC 2010 "People Get Ready"


O SOM DO DIA - 605 - "Full Circle" - Ruthie Foster


quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

O CROMO (Mais um) DO FMI: Relator do FMI sobre Portugal destituído em Espanha por falsa autoria .



Já se sabia que o famoso relatório do FMI estava cheio de erros, meias verdades e má-fé, tudo “barrado” com abjectos preconceitos neoliberais.


Uma verdadeira fraude paga pelos contribuintes, obedecendo a um único objectivo, servir de base para o programa de destruição do nosso já de si frágil “Estado Social”.


O que ainda não se sabia era que essa fraude, elaborada de forma fraudulenta, passe a redundância, não tinha por detrás simples “técnicos” que se limitaram a escrever um documento encomendado e bem pago, para justificar o programa ideológico do desumano neoliberalismo “passoscoelhista”,  mas verdadeiras fraudes humanas.


O espanhol que fez parte dessa equipa era um aldrabão, que foi agora apanhado em Espanha. Mas mais que um aldrabão, revelou-se um mercenário da ideologia neoliberal. Ligado ao PSOE, defendia, em artigos pagos a peso de ouro, exactamente o contrário daquilo que assinou no documento sobre Portugal, ou seja, diz aquilo que lhe pedem para dizer e escrever, é tudo uma questão de preço. É preciso reconhecer “lata” a tão “ilustre” cromo!


Aguardam-se cenas dos próximos capítulos e mais revelações sobre os broncos mercenários que elaboraram tão abjecto documento.


Relator do FMI sobre Portugal destituído em Espanha por falsa autoria - PÚBLICO(clicar para ler notícia).