quarta-feira, 5 de outubro de 2016

Uma grande vitória para a humanidade…uma grande derrota para o "politburo" da Comissão Europeia!!


Portugal e Guterres estão de Parabéns.
Falhou a golpada preconizada pela Comissão Europeia, agindo mais uma vez nos bastidores, desrespeitando as mais elementares regras de ética política:
A Comissão Europeia, habituada a agir no espaço que governa, sem legitimidade democrática diga-se, como mero executor dos interesses da Alemanha e da grande finança, pensava que podia lidar com o resto do mundo da mesma maneira e, desrespeitando as regras de transparência que, pela primeira vez, se impuseram na eleição para secretário geral de ONU, pensou que podia voltar a agir impunemente e impor as suas regras sem respeitar os cidadãos.

A sua candidata caiu com estrondo e António Guterres, a não ser que exista mais alguma jogada de bastidores de algum dos “grandes”, tem o caminho aberto para ser o próximo secretário geral da ONU, levando para aquela organização a humanidade do seu percurso e contribuindo para recuperar a credibilidade daquela organização.

A humanidade bem precisa .

Sem comentários: