terça-feira, 27 de setembro de 2016

Respirar de alívio, sem descansar...Sondagem da CNN considera que Clinton venceu o debate contra Trump .

Alívio, só depois das eleições...mas, por agora, parece que Clinton levou a melhor sobre o seu rival.
 
Clinton não será a minha candidata ideal, é muito "establishment" para meu gosto, não se compara com a frescura de um Obama, mas é o que há para travar o perigo mundial que representa Trump.
 
Para já parece que Clinton encostou o adversário à parede, o que não quer dizer, no complexo sistema eleitoral norte-americano, que tal se traduza em votos ou mesmo em vitória.
 
Mesmo as sondagens inspiram cada vez mais desconfiança, ainda por cima quando as aqui reveladas mostram um grande desequilíbrio entre eleitores que se declaram democratas e aqueles que se declaram republicanos.
 
Para já é uma folga na aflição que estas eleições se estão a revelar para o futuro da humanidade, depois do sufoco que as sondagens, feitas antes do debate, revelavam, com um empate técnico entre candidatos.
 
Á distância, sabendo o que representa para o mundo uma vitória de Trump, apenas podemos continuar a fazer figas para que as coisas corram bem a Clinton.
 
Entre a "normalidade" da candidata e o populismo irracional de Trump, torcemos pela primeira...
 

Sem comentários: