sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

FMI - TERROR À SOLTA




Os vampiros engravatados
procuram o sangue das nossas almas

Vivem da raiva e do desespero
 incendiando medos

O mundo em cinzas
faz a alegria dos fanáticos

Na pira dos sacrifícios
expiam-se vidas sem esperança

Homens –máquina
são o sonho das bestas

Damos-lhe guarida e alimento
a nossa miséria é o seu pão

Erguem cálices
com as nossas lágrimas

Eles devoram-nos 
os sonhos e o sossego

Só descansam quando ficarem a sós
banhando-se num mar de sangue 

Tingindo em lucro 
os seus salários.

Sem comentários: