sexta-feira, 25 de maio de 2012

A TRALHA "SOCRÁTICA": Tribunal de Contas enganado para aprovar autoestradas.

 Os crimes do governo de José Sócrates só agora começam a ser conhecidos em pormenos. É o caso dos acordos secretos, entre o governo anterior,  as Estradas de Portugal, vários Bancos e empresas de construção, que permitiam que recaisse exclusivamente sobre o Estado os riscos financeiros de projectos de construção de auto-estradas, ludibriando o Tribunal de Contas e lesando os portugueses em mais de 750 milhões de euros. 
Toda a história pode ser lida e vista em baixo, uma investigação da TVI24.
Percebe-se a pressa de José Sócrates em emigrar para Paris para "estudar filosofia".
Percebe-se igualmente a dificuldade do PS de José Seguro em fazer oposição credível ao actual governo, enquanto não se livrar da "Tralha Socrática"!

Sem comentários: